ENSINO À DISTÂNCIA EM PERSPECTIVA BAKHTINIANA: QUESTÕES FILOSÓFICAS

Autores

  • Marília Amorim Universidade de Paris VIII

Palavras-chave:

ética, ato, transmissão, memória, corpo

Resumo

O presente trabalho divide-se em duas partes. A primeira é um relato de experiência de trabalho na modalidade do ensino à distância e de alguns problemas que nela foram identificados. O trabalho foi realizado com dois grupos de alunos oriundos de classes sociais diferentes. A diferença no êxito dos grupos é analisada em sua relação com as diferentes modalidades de diálogo entre professor e aluno. A segunda parte do texto é uma tentativa de traduzir os problemas identificados em questões para uma reflexão filosófica, tomando como base conceitos do pensamento bakhtiniano. A articulação entre as dimensões ética e epistemológica que estrutura a teoria de Bakhtin é transposta para o campo educativo. 

Publicado

2014-07-27

Como Citar

Amorim, M. (2014). ENSINO À DISTÂNCIA EM PERSPECTIVA BAKHTINIANA: QUESTÕES FILOSÓFICAS. EmRede - Revista De Educação a Distância, 1(1), 120-136. Recuperado de https://www.aunirede.org.br/revista/index.php/emrede/article/view/13