ESPAÇOS PÚBLICOS PARA DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO: A INFRAESTRUTURA FÍSICA DO POLO LUCENA PARA EAD SOB O OLHAR DE SEUS ESTUDANTES

Autores

  • Carlos Francisco de Santana Instituto Federal da Paraíba - IFPB
  • José Elber Marques Barbosa Instituto Federal da Paraíba - IFPB

DOI:

https://doi.org/10.53628/emrede.v5.3.356

Palavras-chave:

Comportamento do consumidor. Processo educacional. Percepção de valor do serviço público

Resumo

Este trabalho traz à tona uma discussão acerca da infraestrutura física para as atividades de Educação a Distância (EaD) oferecidas pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e pelo Instituto Federal da Paraíba (IFPB) no Polo Lucena, localizado no município de mesmo nome do Estado da Paraíba. Os cerca de 220 estudantes dessa modalidade que fazem uso do local foram convidados a responder um questionário que buscou realizar um diagnóstico sucinto do espaço público oferecido. Ao final, foi possível confrontar os posicionamentos de autores clássicos e atuais com a experiência dos próprios alunos, inseridos como consumidores de conteúdo educacional público. O resultado possibilitou demonstrar a percepção de valor do serviço público oferecido e identificar gargalos de infraestrutura possíveis de serem solucionados.

Biografia do Autor

Carlos Francisco de Santana, Instituto Federal da Paraíba - IFPB

Funcionário Público, com formação em Administração Pública pelo IFPB.

José Elber Marques Barbosa, Instituto Federal da Paraíba - IFPB

Professor Pesquisador do IFPB, Bacharel e Mestre em Administração pela Universidade Federal da Paraíba.

Referências

ANDRADE, F. Educação à Distância x Educação Presencial: algumas diferenças encontradas. 2010. Disponível em: <http://www.administradores.com.br/artigos/tecnologia/educacao-a-distancia-x-educacao-presencial-algumas-diferencas-encontradas/46318/> . Acesso em: Jun. 2017.

BARBOSA, J. E. M. et. al. Prática de Pesquisa em Administração de Sistemas de Informação. IFPB, João Pessoa, 2012.

BELLONI, M. L. Educação a Distância. Campinas: Autores Associados, 1999.

BRASIL. Ministério da Educação. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/>. Acesso em: Jun. 2017.

_____ . Constituição da República Federativa do Brasil. São Paulo: Atlas, 1988.

_____ . Decreto nº 5.622, de 19 de dezembro de 2005. Regulamenta o art. 80 da Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Disponível em <http://www2.planalto.gov.br/>. Acesso em: Jun. 2017.

_____ . Decreto 5.800, de 8 de junho de 2006. Dispõe sobre o Sistema Universidade Aberta do Brasil - UAB. Disponível em <http://www2.planalto.gov.br/>. Acesso em: Jun. 2017.

_____ . Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE. Disponível em <http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/censo2010/caracteristicas_da_populacao/caracteristicas_da_populacao_tab_brasil_zip_xls.shtm>. Acesso em: Jul. 2017.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 34. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2006.

KONTZ, L. B.; PEIXOTO, L. T. Q.; PALMEIRA, E. M. Comportamento do consumidor no setor público: aspectos influenciadores da satisfação. s. d. Disponível em: <http://www.eumed.net/cursecon/ecolat/br/14/setor-publico.html>. Acesso em: Jun. 2017.

KOTLER, P. Administração de marketing: A edição do novo milênio. 10. ed. São Paulo: Prentice-Hall, 2000.

KOTLER, P. Marketing para o século XXI: como criar, conquistar e dominar mercados. 8. ed. São Paulo: Futura, 1999.

LEITE, L. S.; VIEIRA, M. L. S.; SAMPAIO, M. N. Atividades não presenciais: preparando o aluno para a autonomia In Tecnologia Educacional. Rio de Janeiro: ABT, 1997.

MATIAS-PEREIRA, J. Curso de Administração Pública: Foco nas Instituições e Ações Governamentais. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2014.

NEVADO, R. A. Espaços Interativos de Construção de Possíveis: uma nova modalidade de formação de professores. Porto Alegre: 2001. Tese (Doutorado). UFRGS.

PONDÉ, L. F. Marketing existencial: a produção de bens de significado no mundo contemporâneo. 1. ed. São Paulo: Três Estrelas, 2017.

SANTOS, J. C. F. Aprendizagem Significativa: modalidades de aprendizagem e o papel do professor. Porto Alegre: Mediação, 2008.

SOBRINHO, J. D. Educação Superior: bem público, equidade e democratização, 2013. Disponível em: <https://www.ufmg.br/dai/textos/artigo1.pdf>. Acesso em: Jun. 2017.

VALENTE, J. A. MORAN, J. M. ARANTES, V. A. Educação à Distância: pontos e contrapontos. São Paulo: Summus, 2011.

Publicado

2018-11-05

Como Citar

de Santana, C. F., & Marques Barbosa, J. E. (2018). ESPAÇOS PÚBLICOS PARA DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO: A INFRAESTRUTURA FÍSICA DO POLO LUCENA PARA EAD SOB O OLHAR DE SEUS ESTUDANTES. EmRede - Revista De Educação a Distância, 5(3), 361-374. https://doi.org/10.53628/emrede.v5.3.356