METADADOS PARA O REPOSITÓRIO DA REDE E-TEC BRASIL

Autores

  • Rafaela Lunardi Comarella Instituto Federal de Santa Catarina
  • Luis Otoni Meireles Ribeiro Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense
  • Dóris Roncarelli Universidade Federal de Santa Catarina
  • Araci Hack Catapan Universidade Federal de Santa Catarina
  • Ricardo Azambuja Silveira Universidade Federal de Santa Catarina

Palavras-chave:

ecnologia de comunicação digital. Material didático. Hipertextualidade. Repositório.

Resumo

A Rede e-Tec Brasil é uma ação do Ministério de Educação para prover educação profissional técnica em nível médio a distância. Entre as atividades realizadas pelos professores da rede, está a elaboração de material didático. Para assegurar a socialização e o compartilhamento do uso dos materiais, a SETEC promoveu o desenvolvimento do um repositório digital — o ProEDU —, potencializando os recursos públicos.Este artigo trata da escolha do padrão de metadados e da definição do modelo desse repositório. Este estudo teve como metodologia a produção colaborativa em seminários, realizada por uma equipe de pesquisadores de quatro instituições — UFSC, IFCE, IFRN e IFSUL. Os resultados desta primeira fase de estudos compreendem a elaboração, prototipagem e a disponibilização do Repositório ProEDU.

Biografia do Autor

Rafaela Lunardi Comarella, Instituto Federal de Santa Catarina

Doutora em Engenharia e Gestão do Conhecimento pela Universidade Federal de Santa Catarina. Possui mestrado em Engenharia e Gestão do Conhecimento pela Universidade Federal de Santa Catarina e graduação em Ciência da Computação pela Universidade Comunitária Regional de Chapecó (2004). Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Tecnologia da Educação e Educação a Distância, atuando principalmente nos seguintes temas: gestão e docência em educação a distância e uso das tecnologias na educação. Atuou com liderança na gestão de projetos de produtos de inovação voltados para educação, tais como: softwares, Jogos Educacionais, materiais didáticos para EaD (Objetos de Aprendizagem), organização de cursos a distância em formatos inovadores.

Luis Otoni Meireles Ribeiro, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense

Luis Otoni Meireles Ribeiro. Pós-doutorando em Educação (UFSC), doutor em Informática na Educação (UFRGS), mestre em Tecnologia (UTFPR), Especialista em Educação Continuada e a Distância (UNB), Especialista em Controle de Processos (CEFET-MG). Profissional que atua na Educação Profissional de nível técnico e tecnológico desde 1988 no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense (IFSul) – antigo CEFET-RS. Chefiou e implantou o Departamento de Educação a Distância do IFSul. Integrou a equipe que auxiliou a Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica SETEC/MEC na elaboração do Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia e do Catálogo Nacional de Cursos Técnicos. Implantou e coordenou o Programa Especial de Formação Pedagógica de Docentes para a Educação Profissional no CEFET-RS. Participou da implantação do Núcleo de Educação a Distância do CEFET-RS, tendo atuado em diversas ações de capacitação de docentes para EAD com a UNIREDE, ADIFERS, MEC/SETEC. Atua como professor no Mestrado Profissional em Educação e Tecnologia do IFSul. É líder do Grupo de Pesquisa Tecnologias Educacionais na Conectividade e Mobilidade (TEDCOM). 

Dóris Roncarelli, Universidade Federal de Santa Catarina

Bacharel e Licenciada em Filosofia, Mestre em Educação, Doutora em Engenharia e Gestão do Conhecimento pela Universidade Federal de Santa Catarina. Atuou como Professora de Metodologia e Prática de Ensino de Filosofia da Universidade Federal de Santa Catarina, Tutora para a formação de docentes em EaD da UFSC, Estágio Docência nas Graduações de Matemática, Letras-Libras, Educação Física e Biologia. Participei da tutoria para Gestão e docência em EaD da Universidade Aberta do Brasil - UAB. Foi Diretora Pedagógica do Comitê para Democratização da Informática de Santa Catarina - CDISC. Designer Instrucional dos Cursos de Capacitação AbertaSul, PACC/UAB e do Projeto de Validação de Materiais Didáticos para o Programa e-Tec Brasil. Pesquisadora do Currículo Referência para o Sistema e-Tec Brasil. Mediadora do Curso de Especialização em Gestão e Docência para Educação a Distância promovido pela SETEC/ MEC e realizado pela Universidade Federal de Santa Catarina em parceria com a Universidade Tecnológica Federal do Paraná ? UTFPR e o Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais ? CEFET. Atua no Grupo de Pesquisa - PCEADIS/CNPq nas questões de Educação a Distância, Currículo, Metodologia, Avaliação, Materiais Didáticos, Ambientes Virtuais de Ensino-Aprendizagem e Objetos Digitais de Ensino-Aprendizagem, desenvolvidos no Núcleo de Ensino, Pesquisa e Extensão - AtelierTCD/CED.

Araci Hack Catapan, Universidade Federal de Santa Catarina

Possui graduação em Pedagogia pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Palmas (1982), mestrado em Educação pela Universidade Federal de Santa Catarina (1993) e doutorado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina (2001). É especialista em Currículo e Filosofia pela PUCMG. Exerce o cargo de  Professor Associado II da Universidade Federal de Santa Catarina. Tem experiência em todos os níveis de Educação. Atua em pesquisa, ensino e extensão, com ênfase nos seguintes temas: Educação a Distância (EaD), cibercultura, tecnologia, Gestão do Conhecimento, mídia e conhecimento, pedagogia digital, formação de professores, tecnologia de comunicação digital e software. Atua no Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento e no Programa de Pós-Graduação em Educação. É consultora para os sistemas UAB/CAPES e Rede e-Tec Brasil. É coordenadora do Núcleo de Pesquisa Científica em Educação a Distância do CNPq. É participante do Grupo de Pesquisa em Avaliação e Gestão na Educação (CNPq/DGP). Coordena o Núcleo de Ensino, Pesquisa e Extensão ATELIERTCD/CED/UFSC e os Projetos de pesquisa Currículo Referência para o Sistema e-Tec Brasil: metodologias e experiências exitosas na implementação da Rede e-Tec – Objetos Digitais de Ensino-aprendizagem. Participa como pesquisadora no Projeto de Certificação de Tecnologias Educacionais/SEB/MEC. Faz parte do Conselho Editorial da revista Travessias. Pertence ao Comitê Científico da ABED. Foi coordenadora da Comissão Própria de Avaliação Institucional de 2004 a 2008, diretora de Ensino de graduação de 2004 a 2006 e diretora de Educação a Distância de 2005 a 2008 na UFSC. É líder do Laboratório de Habitats de Inovação e Empreendedorismo (www.inlab.ufsc.br).

Ricardo Azambuja Silveira, Universidade Federal de Santa Catarina

Doutor em Ciência da Computação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, mestre em Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul e engenheiro eletrônico pela PUC-RS. Exerce o cargo de Professor Associado do Departamento de Informática e Estatística (INE) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Áreas de Interesse: Inteligência Artificial, Sistemas Multiagentes; Linguagens Formais e Compiladores; Informática na Educação; Ambientes Inteligentes de Aprendizagem.

Referências

BARGMEYER, B. E.; GILLMAN, D. W. Metadata standards and metadata registries: an overview. Disponível em:

/www.bls.gov/ore/pdf/st000010.pdf>. Acesso em: 20 fev. 2017.

BRASIL. Presidência da República. Decreto nº 7.589, de 26 outubro de 2011. Disponível em:<http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2011-2014/2011/Decreto/ D7589.htm#art9>. Acesso em: 20 fev.2017.

BRASIL. Presidência da República. Decreto nº 6.301, de 12 de dezembro de 2007. Institui o Sistema Escola Técnica Aberta do Brasil - e-Tec Brasil. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2007-2010/2007/Decreto/D6301.htm>. Acesso em: 20 fev. 2016.

BRASIL. Ministério da Educação. Manual de gestão da Rede e-Tec Brasil. 2013. Disponível em: <http://redeetec.mec.gov.br/images/stories/ppt/ 2702_manual_gest2.ppt>.Acesso em: 05 jan. 2018.

BRASIL. Presidência da República. Lei nº 12.513, de 26 de outubro de 2011. Disponível em <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2011/lei/l12513.htm> Acesso em: 05/01/2018.

CATAPAN, A. H. Tertium: o novo modo do ser, do saber e do aprender: construindo uma taxionomia para medição pedagógica em tecnologia de comunicação digital. 2001. Tese (Doutorado em Engenharia de Produção) – Centro Tecnológico, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2001.

CATAPAN, A. H.; NUNES, R. C. ; FERNANDES, A. Seleção e elaboração de material didático: definição de critérios de aderência. In: CONGRESSO INTERNACIONAL ABED DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA, 20., 2014, Curitiba. Anais... São Paulo: ABED, 2014.

CATAPAN, A. H.; KASSICK, C. N.; OTERO, W. R. I. (Org.). Currículo Referência para o sistema e-Tec Brasil. Florianópolis: NUP/UFSC, 2011.

COMARELA, R.L. Gênesis: Gestão de objetos de ensino-aprendizagem: construindo um modelo. 183.pg. Tese (doutorado em Engenharia e Gestão do Conhecimento – Midia e Conhecimento) Centro Tecnológico, PPGEGC - Universidade Federal de Santa Catarina, 2015.

DSPACE. Disponível em: <http://www.dspace.org/>. Acesso em: 20 fev. 2016.

DRUZIANI, C. F. M. O Repositório web como potencializador do conhecimento em objetos de aprendizagem. 2014. 262 f. Tese (Doutorado em Engenharia e Gestão do Conhecimento) – Centro Tecnológico, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2014.

FACHIN, G.R.B. Ontologia de referência para periódico científico digital. 2011. Tese (Doutorado em Engenharia e Gestão do Conhecimento) – Centro Tecnológico, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2011.

IEEE. Institute of Electrical and Electronics Engineers. Draft Standard for eXtensible Markup Language (XML) Binding for Learning Object Metadata Model (LOM). Learning Technology Standards Committee (LTSC). 2003.

LYNCH, Clifford A. Institutional repositories: essential infrastructure for scholarship in the digital age. Portal: Libraries and the Academy, v. 3, n. 2, p. 327-336, 2003.

NISO – ANSI/NISO Z39.85 - The Dublin Core Metadata Element Set. National Information Standards Organization. 2007

PROEDU. Acervo de Recursos Educacionais para Educação Profissional e Tecnológica. Disponível em: . Acesso em: 05 jan. 2018.

RONCARELLI, D. Ágora: concepção e organização de uma taxionomia para análise e avaliação de objetos digitais de ensino-aprendizagem. 2012. Tese (Doutorado em Engenharia e Gestão do Conhecimento) – Centro Tecnológico, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2012.

RNP – Rede Nacional de Ensino e Pesquisa. Disponível em: <https://www.rnp.br/>. Acesso em: 16 fev. 2017.

SETEC/MEC. Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/setec-secretaria-de-educacao-profissional-e-tecnologica>. Acesso

em: 16 fev. 2016.

SILVA, E. L. da; CAFÉ, L.; CATAPAN, A. H. Os objetos educacionais, os metadados e os repositórios na sociedade da informação. Ciência da Informação, Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia, Brasília, v. 39 n. 3, p. 93-104, set./dez. 2010.

SisUAB. Sistema de acompanhamento e gestão dos processos da Universidade Aberta do Brasil. Disponível em: <https://nte.ufsm.br/apresentacao/uab/sisuab>. Acesso em: 16 fev. 2016.

TAROUCO, L. M. R.; FABRE, M. C. J. M.; TAMUSIUNAS, F. R. Reusabilidade de objetos educacionais. RENOTE – Revista Novas Tecnologias na Educação, v. 1, n. 1, p. 1-11, 2003.

VICARI, R. M. et al. Brazilian proposal for Agent-Based Learning Objects Metadata Standard – OBAA. Metadata and Semantic Research. Communications. Computer and Information Science, v.108, p. 300-311, 2010.

YELA, L. P. A.; ESCOBAR, A. D. O.; ANOTA, M. M. M.; CASTILLO, J. M. Design of a mobile learning object repository (ROAM). In: IEEE INTERNATIONAL ENGINEERING SUMMIT, CUMBRE INTERNACIONAL DE LAS INGENIERIAS (IE-SUMMIT), 2., 2016, Boca del Rio. Proceedings... Piscataway: IEEE, 2016. p. 1-4.

Publicado

2018-03-16

Como Citar

Lunardi Comarella, R., Meireles Ribeiro, L. O., Roncarelli, D., Hack Catapan, A., & Azambuja Silveira, R. (2018). METADADOS PARA O REPOSITÓRIO DA REDE E-TEC BRASIL. EmRede - Revista De Educação a Distância, 5(1), 86-100. Recuperado de https://www.aunirede.org.br/revista/index.php/emrede/article/view/282