INFLUÊNCIA DA DIMENSÃO TECNOLÓGICA DAS IES NO DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS DOCENTES PARA EAD

Fernanda Roda de Souza Araújo Cassundé, José Ricardo Costa de Mendonça, Milka Alves Correia Barbosa

Resumo


Esse estudo procura responder a seguinte pergunta: como o desenvolvimento das competências eletrônicas dos professores se relacionam com a dimensão tecnológica das instituições de ensino superior? Para tanto, foi realizado um qualitativo interpretativo básico. Foi escolhido como lócus a UNIVASF e, como unidade de análise, o curso de especialização em Gestão Pública vinculado ao PNAP. A coleta de dados foi realizada mediante pesquisa documental e entrevistas com roteiro semiestruturado. Os resultados da pesquisa mostram claramente que vários fatores dessa dimensão são importantes para o desenvolvimento das competências eletrônicas docentes e que questões políticas institucionais precisam ser superadas e a periodicidade do treinamento precisa existir para que a EAD possa se firmar na instituição.

Palavras-chave


Condições institucionais. Integração das TICs. Competências eletrônicas. Educação a distância. Ensino Superior.

Texto completo:

PDF

Referências


ARRUDA, Heloisa Paes de Barros. Entre o presencial e o virtual: a videoconferência, sentimentos e emoções implicados. In: BEHRENS, Marilda Aparecida; ENS, Romilda Teodora; VOSGERAU, Dilmeire Sant’Anna Ramos. Discutindo a educação na dimensão da práxis. Curitiba: Champagnat, 2007.

BANDEIRA-DE-MELLO, Rodrigo. Softwares em pesquisa qualitativa. In: GODOI, Christiane Kleinübing; BANDEIRA-DE-MELLO, Rodrigo; SILVA, Anielson Barbosa. Pesquisa qualitativa em estudos organizacionais: paradigmas, estratégias e métodos. São Paulo: Saraiva, 2006.

BARDIN, L. Análise de Conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2011.

BAUER, Martin W.; AARTS, Bas. A construção do corpus: um princípio para coleta de dados qualitativos. In: BAUER, M. W.; GASKELL, G. Pesquisa qualitativa com texto imagem e som: um manual prático. Petrópolis: Vozes, 2002.

BAUER, Martin W.; GASKELL, George; ALLUM, Nicholas C. Qualidade, quantidade e interesses do conhecimento: evitando confissões. In: Bauer, Martin W.; Gaskell, George. Pesquisa qualitativa com texto, imagem e som: um manual prático. Petrópolis, RJ: Vozes, 2002.

BELLONI, Maria Luiza. Educação a distância. 5.ed. Campinas, SP: Autores Associados, 2009.

BERAZA, Miguel. A. Zalbaza. Uma nova didáctica para o ensino universitário: respondendo ao desafio do espaço europeu de ensino superior. Texto para Sessão Solene comemorativa do Dia da Universidade, por ocasião do 95º aniversário da Universidade do Porto. Porto: Universidade do Porto, 2006.

BRASIL. Referenciais de qualidade para a modalidade de educação superior a distância. Brasília: MEC, 2007.

CAELLI, Kate; RAY, Lynne; MILL, Judy. Clear as Mud: Toward Greater Clarity in Generic Qualitative Research. International Journal of Qualitative Methods, v. 2, n. 2, p. 1-13, 2003.

CASSUNDÉ, Fernanda Roda; CASSUNDÉ JUNIOR, Nildo. O estado do conhecimento sobre educação a distância (EAD) em Administração: por onde caminham os artigos? Fórum temático – oportunidades e desafios das práticas e da gestão de ensino de Administração a distância. Revista Gestão e Planejamento, Salvador, v. 13, n. 2, p. 366-380, maio/ago. 2012.

CHEN, Yu-Li. A mixed-method study of EFL teachers’ Internet use in language instruction. Teaching and Teacher Education, v.24, p.1015–1028, 2008.

CORRÊA, Stevan de Camargo; SANTOS, Larissa Medeiros Marinho. Preconceito e educação a distância: atitudes de estudantes universitários sobre os cursos de graduação na modalidade a distância. ETD – Educação Temática Digital, Campinas, v.11, n.1, p.273-297, jul./ dez. 2009.

EHLERS, Ulf-Daniel; Schneckenberg, Dirk. Introduction: Changing Cultures in Higher Education. In: EHLERS, Ulf-Daniel; Schneckenberg, Dirk. Changing Cultures in Higher Education: Moving Ahead to Future Learning. New York: Springer International, 2010.

GODOY, Arilda Schmidt. Pesquisa qualitativa: tipos fundamentais. Revista de Administração de Empresas, São Paulo, v.35, n.3, p.20-29, Maio/Jun. 1995.

GILBERTO, Irene Jeanete Lemos. A educação a distância no ensino superior e a lógica das competências. Revista Gestão Universitária na América Latina, v.6, n.1, p.273-286, jan. 2013.

GODOI, Christiane Kleinübing; MATTOS, Pedro Lincoln Carneiro Leão. Entrevista qualitativa: instrumento de pesquisa e evento dialógico. In: GODOI, Christiane Kleinübing; BANDEIRA-DE-MELLO, Rodrigo; SILVA, Anielson Barbosa. Pesquisa qualitativa em estudos organizacionais: paradigmas, estratégias e métodos. São Paulo: Saraiva, 2006.

GODOY, Arilda Schmidt. Refletindo sobre critérios de qualidade da pesquisa qualitativa. Gestão.Org, v.3, n.2, mai./ago. 2005.

HARRY, K.; DESMONDD, K.; JOHN, M. H. Distance education: new perspectives. Routledge Studies in distance education. New York, NY: Routledge, 2006.

ISMAN, Aytekin; ALTINAY, Zehra; ALTINAY, Fahriye. Roles of the students and teachers in distance education. Turkish online Journal of Distance Education, v.5, n.4, October, 2004.

Jakobsdóttir, Sólveig; McKeown, Lindy; HOVEN, Debra. Using the new information and communication technologies for the continuing professional development of teachers through open and distance learning. In: DANAHER, Patrick Alan; UMAR, Abdurrahman. Teacher education through open and distance learning. Vancouver: Commonwealth learning, 2010.

LATCHEN, Colin. Using ICT to train teachers in ICT. In: DANAHER, Patrick Alan; UMAR, Abdurrahman. Teacher education through open and distance learning. Vancouver: Commonwealth learning, 2010.

Lwoga, Edda. Making learning and Web 2.0 technologies work for higher learning institutions in Africa. Campus-Wide Information Systems, v. 29, n.2, p. 90-107, 2012.

MAIETTA, Raymond C. Computer-assisted data analysis. In: GIVEN, Lisa M. The Sage Encyclopedia os Qualitative Research Methods. California: SAGE Publications, 2008.

MARTINS, Onilza Borges. Os caminhos da EAD no Brasil. Revista Diálogo Educacional, Curitiba, v.8, n.24, p.357-371, maio/ago. 2008.

MENDONÇA, José Ricardo Costa; PAIVA, Kely César Martins; PADILHA, Maria Auxiliadora; BARBOSA, Milka Alves Correia; MARTINS, Marco Antônio Buarque. Competências Eletrônicas de Professores para Educação a Distância no Ensino Superior no Brasil: discussão e proposição de modelo de análise. In: 2.ª Conferência do FORGES – Fórum da Gestão do Ensino Superior nos Países e Regiões de Língua Portuguesa, 2012, Macau, China. Por um Ensino Superior de Qualidade nos Países e Regiões de Língua Portuguesa, 2012b.

MENEZES, Luis Carlos. Universidade sitiada: A ameaça de liquidação da universidade brasileira. São Paulo: Fundação Perseu Abramo, 2001.

MERRIAM, Sharan B. Qualitative Research and Case Study Applications in Education. San Francisco: Jossey-Bass, 1998.

______. Qualitative research in practice: examples for discussion and analysis. San Francisco: Jossey-Bass, 2002.

MOORE, Michael; KEARSLEY, Greg. Educação a distância: uma visão integrada. São Paulo: Cengage Learning, 2011.

MOZATTO, A. R.; GRZYBOVSKI, D. Análise de Conteúdo como Técnica de Análise de Dados Qualitativos no Campo da Administração: Potencial e Desafios. Revista de Administração Contemporânea, v. 15, n. 4, p. 731-747, 2011.

Oguzor, Nkasiobi Silas; Opara, Jacinta Agbarachi. Media technology and vocational education in Nigeria: Problems and prospects. Applied Technologies & Innovations, v.4, n.1, p.39-47, april 2011.

PADILHA, Maria Auxiliadora Soares; HELAL, Diogo Henrique; MENDONÇA, José Ricardo Costa. Educação a distância em Administração: olhares sobre as pesquisas, vivências e perspectivas. Fórum temático – oportunidades e desafios das práticas e da gestão de ensino de Administração a distância. Revista Gestão e Planejamento, Salvador, v. 13, n. 2, p. 356-365, maio/ago. 2012.

PAIVA, Kely Cesar Martins. Gestão de competências e a profissão docente: um estudo em universidades no estado de Minas Gerais. 2007. Tese (Doutorado) – Programa de Pós-Graduação em Administração, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2007.

RAMA, Claudio. Tipología de las tendencias de la virtualización de la educación superior en América Latina. Revista Diálogo Educacional, Curitiba, v.8, n.24, p.341-355, maio/ago. 2008.

RAMOS, Marise Nogueira. A pedagogia das competências: autonomia ou adaptação? São Paulo: Cortez, 2002.

SANAVRIA, Claudio Zarate. Avaliação da aprendizagem à distância: concepções e práticas de professores no ensino superior. 2008. Dissertação (Mestrado) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Católica Dom Bosco, Campo Grande, 2008.

Sánchez-Franco, Manuel J.; Martínez-López, Francisco J.; Martín-Velicia, Félix A. Exploring the impact of individualism and uncertainty avoidance in Web-based electronic learning: An empirical analysis in European higher education. Computers & Education, v.52, p.588–598, 2009.

SCHNECKENBERG, Dirk. eCompetence Development Measures for Faculty in Higher Education – A Comparative International Investigation. Tese. Fachbereich Bildungswissenschaften der Universität Duisburg-Essen. Standort Essen, 2007.

________. El e-learning transforma la educación superior. Educar, n.33, p.143-156, 2004.

________. Face the Human Factor: The Role of eCompetence in the Future of Higher Education. In: NUNES, M.B.; McPHERSON, M. International Association for Development of the Information Society: Multi-Conference on Computer Science and Information Systems, 22-27 July, p.98-105, 2008a.

______. No Future Learning without Present Staff: The Role of Faculty in University Innovation. Proceedings of eLearning Forum, 2008b.

______. Overcoming barriers for eLearning in universities: portfolio models for eCompetence development of faculty. British Journal of Educational Technology, v.41, n.6, p.979-991, 2010a.

______. What is e-Competence? Conceptual Framework and Implications for Faculty Engagement. In: EHLERS, Ulf-Daniel; Schneckenberg, Dirk. Changing Cultures in Higher Education: Moving Ahead to Future Learning. New York: Springer International, 2010b.

Schneckenberg, Dirk; Wildt, Johannes. Understanding the concept of ecompetence for academic staff. In: Labhrainn, Mac; LEGG, McDonald; Schneckenberg, Dirk; WILDT, Johannes. The Challenge of eCompetence in Academic Staff Development. Galway: CELT, 2006.

Schönwald, Ingrid. Sustainable implementation of e-learning as a change process at universities. St. Gallen, Switzerland: Swiss Centre for Innovations in Learning, 2003.

SEUFERT, Sabine; EULER, Dieter. Nachhaltigkeit von eLearning-Innovationen: Ergebnisse einer Expertenbefragung. Arbeitsbericht 1 des Swiss Center for Innovations in Learning St. Gallen: Institut für Wirtschaftspädagogik, Juni 2003.

______. Nachhaltigkeit von eLearning-Innovationen: Ergebnisse einer Delphi-studie. Arbeitsbericht 2 des Swiss Center for Innovations in Learning St. Gallen: Institut für Wirtschaftspädagogik, Januar 2004.

SILVA, João Carlos Sedraz; SILVA, Luciano Gomes. Implantação e institucionalização da EAD na UNIVASF. In: Congresso Brasileiro de Ensino Superior a Distância, 2012, Recife/PE. Anais...Congresso Brasileiro de Ensino Superior a Distância, 2012.

SILVA, Maria Aparecida; LIMA FILHO, Dario de Oliveira; RIBEIRO, Silvar; CASTANHA, Anderson. Projeto Pedagógico do curso de Especialização em Gestão Pública. MEC: Brasil, 2012.

SOUZA, Alba Regina Battisti; SARTORI, Ademilde Silveira; ROESLER, Jucimara. Mediação pedagógica na educação a distância: entre enunciados teóricos e práticas construídas. Revista Diálogo Educacional, Curitiba, v.8, n.24, p.327-339, maio/ago. 2008.

STAKE, Robert E. Qualitative case studies. In: DENZIN, Norman K.; LINCOLN, Yonna S. Handbook of qualitative research. 3rd. ed. California: Sage Publications, 2005.

TIGELLAR, Dineke E. H.; DOLMANS, Diana H. J. M.; WOLFHAGE, Ineke H. A. P.; VAN DER VLEUTEN, Cees p. M. The development and validation of a framework for teaching competencies in higher education. Higher education, 48, p.253-268, 2004.

TORRES, Patrícia Lupion; MARRIOTT, Rita de Cássia Veiga; MATOS, Elizete Lúcia Moreira. Mediação pedagógica com o uso de mapas conceituais em ambiente virtual de aprendizagem. In: ENS, Romilda Teodora; BEHRENS, Marilda Aparecida; VOSGERAU, Dilmeire Sant’Anna Ramos. Trabalho do professor no espaço escolar. Curitiba: Champagnat, 2009.

UMAR, Abdurrahman; DANAHER, Patrick Alan. Setting the scene for interrogating teacher education through open and distance learning. In: DANAHER, Patrick Alan; UMAR, Abdurrahman. Teacher education through open and distance learning. Vancouver: Commonwealth learning, 2010.

VIEIRA, Marcelo Milano Falcão. Por uma Boa Pesquisa (Qualitativa) em Administração. In: VIEIRA, M Marcelo Milano Falcão; ZOUAIN, Moraes Zouain. Pesquisa Qualitativa em Administração. Rio de Janeiro: FGV, 2004.

VOLK, Benno; KELLER, Stefan Andreas. The «Zurich E-Learning Certificate» A role model for the acquirement of eCompetence for Academic Staff and an example of a practical implementation. European Journal of Open, Distance and E-Learning, p.1-8, 2010.

Wheeler, Steve. Open Content, Open Learning 2.0: Using Wikis and Blogs in Higher Education. In: EHLERS, Ulf-Daniel; Schneckenberg, Dirk. Changing Cultures in Higher Education: Moving Ahead to Future Learning. New York: Springer International, 2010.

ZANOTELLI, Reivani Chisté. Professores do ensino superior frente às novas tecnologias: usos e desusos do Computador e da Internet no cotidiano de trabalho. 2009. Tese (Doutorado) – Programa de Pós-Graduação em Psicologia Clínica, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2009.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista EmRede



EmRede - Revista de Educação a Distância, Porto Alegre, RS, Brasil.

ISSN: 2359-6082

Classificação em Qualis Periódicos B4 (2019)
Indexação (consulte a seção Sobre)


Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional ((CC BY-NC-SA 4.0).