A formação docente em EaD voltada ao Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com a Educação Básica, na modalidade de jovens e adultos (PROEJA)

Autores

  • Jadson de Jesus Santos Universidade Federal de Sergipe
  • Phellipe Cunha da Silva Universidade Federal de Sergipe

Palavras-chave:

Educação. Ensino Básico. Formação Docente.

Resumo

Este artigo faz uma abordagem bibliográfica e legal acerca da formação docente voltada ao Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com a Educação Básica, na Modalidade de Jovens e Adultos (PROEJA) dentro da Educação a Distância. Desse modo, o objetivo geral foi abordar a formação docente no âmbito da Educação a Distância voltada ao PROEJA em seus aspectos conceituais e legais. Para isso, foi utilizada a bibliometria como metodologia de pesquisa a fim de possibilitar a análise de parte do conjunto de publicações relacionadas à temática no Brasil. Ao mesmo tempo, foram elencadas as características principais da EaD no Brasil e quais os papeis de cada um dos atores envolvidos. Percebe-se dessa maneira que a ligação entre prática-teoria-prática é essencial para que seja possível a dinamização e aprofundamento do conhecimento no processo de formação.

Biografia do Autor

Jadson de Jesus Santos, Universidade Federal de Sergipe

Doutor e Mestre em Desenvolvimento e Meio Ambiente pelo (PRODEMA/UFS). Especialista em Biotecnologia e Meio Ambiente pela Faculdade Atlântico (FA). Licenciado em Geografia pela Universidade Federal de Sergipe (DGEI/UFS). Foi Professor de Geografia da Rede Pública Estadual de Ensino de Alagoas (SEDUC/AL) e da Rede Pública de Ensino do Município de São Cristóvão-SE (SEMED-SC). Atualmente é Professor de Geografia da ECIT Izaura Falcão de Carvalho (SEECT/PB). Participou de diversos projetos de pesquisas nas áreas de geografia urbana, cartografia, recursos hídricos, gênero, planejamento territorial e meio ambiente. 

Phellipe Cunha da Silva, Universidade Federal de Sergipe

Doutor e Mestre em Desenvolvimento e Meio Ambiente pela Universidade Federal de Sergipe - PRODEMA/UFS. Especialista em Ensino de Geografia e Licenciado em Geografia pela Universidade Federal de Alagoas - IGDEMA/UFAL. Professor de Geografia pela Secretaria de Estado da Educação, da Ciência e Tecnologia da Paraíba - SEECT/PB. 

Referências

ARAÚJO, R. M. L. Práticas pedagógicas e ensino integrado. Curitiba: Instituto Federal do Paraná, 2014. Disponível em: https://curitiba.ifpr.edu.br/wp-content/uploads/2016/05/Pr%c3%a1ticas-pedag%c3%b3gicas-e-ensino-integrado.pdf. Acesso em: 22 abr. 2020.

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular: educação é base. Brasília: Conselho Nacional de Secretários de Educação – CONSED; União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação – UNDIME, 2018.

BRASIL. Decreto nº 5.840, de 13 de julho de 2006. Institui, no âmbito federal, o Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com a Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos – PROEJA, e dá outras providências. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2006/decreto/d5840.htm. Acesso em: 30 abr. 2020.

CASTRO, M. A. D. R. O trabalho docente nos cursos técnicos integrados na modalidade de Educação de Jovens e Adultos do Instituto Federal de Goiás. In: Educação, Porto Alegre, v. 41, n. 3, p. 427-436, set./dez. 2018. Disponível em: http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/faced/article/view/25716. Acesso em: 21 abr. 2020.

GONÇALVES; L. A. A. BARONA; J. E. A. Concepções de linguagem: gramática de língua portuguesa e ensino de língua materna. In: Entretextos, Londrina, v. 13, n. 2, p. 243-265, jul./dez. 2013. Disponível em: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/entretextos/article/download/16191/13898. Acesso em: 22 abr. 2020.

GONÇALVES, M. C. P. B.; FARTES, V. L. B. O trabalho docente na educação profissional de jovens e adultos. Salvador: EDUFBA, 2010. 326 p. ISBN 978-85-232-0675-8. Disponível em: http://books.scielo.org/id/329/pdf/tenorio-9788523208912-18.pdf. Acesso em: 10 abril. 2020.

HOUAISS, A. Dicionário Eletrônico Houaiss da Língua Portuguesa. Rio de Janeiro: Editora Objetiva, 2001.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO – MEC. Relatório do Planejamento Estratégico do Proeja 2007: De Programa a Política Pública. Brasília, jun. 2007. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/pdf/planejamentoproeja2007.pdf. Acesso em: 30 abril. 2020.

MORETTO, V. Série Gestor Escola fundamentos. Disponível em: http://www.edicoessm.com.br/files/gestorescolar/. Acesso em: 20 mar. 2020.

MOURA, D. H. A formação de docentes para a educação profissional e tecnológica. In: Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica / Ministério da Educação, Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica, v. 1, n. 1, jun. 2008. – Brasília: MEC, SETEC, 2008. p. 23-38. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/pdf3/rev_brasileira.pdf. Acesso em: 20 abr. 2020.

MOURA, T. M. M. Metodologia do ensino superior: saberes e fazeres da/para a prática docente. Maceió: EDUFAL, 2007.

OLIVEIRA, A. S. A formação do professor para a educação profissional: mapeando a produção bibliográfica. Dissertação (mestrado) – Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, Programa de Pós-graduação em Educação-PPGED, Vitória da Conquista, 2016. Disponível em: http://www2.uesb.br/ppg/ppged/wp-content/uploads/2016/09/Anely-S-Oliveira.pdf. Acesso em: 21 abr. 2020.

PONTUSCHKA, N. N.; PAGANELLI T. I.; CACETE, N. H. (Org.). Para ensinar e aprender Geografia. 3. ed. São Paulo: Cortez, 2009.

SHIROMA, E. O.; LIMA FILHO, D. L. TRABALHO DOCENTE NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA E NO PROEJA. In: Educ. Soc., Campinas, v. 32, n. 116, p. 725-743, jul./-set. 2011. Disponível em: http://www.cedes.unicamp.br. Acesso em: 22 abr. 2020.

SILVA, J. S. Formação continuada de educadores na perspectiva da educação profissional integrada à educação de jovens e adultos. Dissertação (mestrado) – Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, 2013. Disponível em: https://repositorio.unb.br/bitstream/10482/15255/1/2013_JosenildadeSouzaSilva.pdf. Acesso em: 19 abr. 2020.

SILVA, L. G. A. da; SAMPAIO, C. L. Trabalho e autonomia do coordenador pedagógico no contexto das políticas públicas educacionais implementadas no Estado de Goiás. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro, v. 23, n. 89, p. 964-983, dez. 2015. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-40362015000400964&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 19 jul. 2020.

TRAVAGLIA, L. C. Gramática e interação: uma proposta para o ensino de gramática. 14. ed. São Paulo: Cortez, 2009.

VELOSO, Z. V. C. As práticas pedagógicas na educação de jovens e adultos (EJA): interfaces com as políticas e diretrizes curriculares. Dissertação (mestrado) – Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Programa de Pós-Graduação stricto sensu em Educação, 2014. Disponível em: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/bitstream/tede/1129/1/ZELIA%20VIEIRA%20CRUZ%20VELOSO.pdf. Acesso em: 06 abr. 2020.

Publicado

2020-11-06

Como Citar

Santos, J. de J., & Silva, P. C. da. (2020). A formação docente em EaD voltada ao Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com a Educação Básica, na modalidade de jovens e adultos (PROEJA). EmRede - Revista De Educação a Distância, 7(2), 47-60. Recuperado de https://www.aunirede.org.br/revista/index.php/emrede/article/view/619