EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA: a influência da internet nos hábitos de leitura do adolescente

Dênisson Neves Monteiro, Tatiane Chaves Ribeiro, Marise Maria Santana Rocha, Fernando Rocha Athayde

Resumo


Este artigo visa a descrever e identificar a influência da internet nos hábitos de leitura de estudantes do ensino médio. O método que conduzirá o processo científico segue uma abordagem de pesquisa quali-quantitativa através da coleta de dados e observação de uma amostra de 35 alunos do 1º ano do EM de uma escola em Varginha/MG. A ideia central motivadora da pesquisa foram as inúmeras manifestações de docentes questionando a utilização das novas tecnologias como fomento para a leitura e melhoria da escrita dos alunos. Foi utilizada a técnica do estudo de caso. O trabalho desenvolvido permitiu realizar uma avaliação da relação dos adolescentes com a tecnologia, e informações de leitura e de comunicação recolhidas antes de começar a pesquisa e ao final permitiram perceber as transformações ocorridas.


Palavras-chave


educação a distância; tecnologias da informação e da comunicação

Texto completo:

PDF

Referências


ÁLVAREZ, V. et al. Diseño y evaluación de programas. Madrid: EOS, 2002.

BORGES, M; HOPPEN, N.; LUCE, F. B. Information technology impact on Market orientation in e business. Journal of Business Research, v. 62, p. 886, 2009.

EDEL, R. Las nuevas tecnologías para el aprendizaje: estado del arte. In: VALES, J. Las nuevas tecnologías para el aprendizaje. México: PearsonPrentice Hall, 2009. p.04-20

FACHIN, O. Fundamentos da metodologia. São Paulo: Saraiva, 2001.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2009.

LOPES, R. M. A. Referenciais para a educação empreendedora. In: LOPES, R. M. A. (Org.). Educação empreendedora: conceitos, modelos e práticas. Rio de Janeiro: Elsevier; São Paulo: SEBRAE, 2010.

MILL, D; et. al. (Org.) Polidocência na Educação a Distância - múltiplos enfoques. São Carlos: EdufSCar, 2010. p. 123.

MONTEIRO, D. N; RIBEIRO, T. C. Ambiente virtual de aprendizagem para formação de docentes em EAD. Um estudo de caso sobre a formação de professores NEAD – UFSJ. In: SEMINÁRIO INTERNACIONAL APEC, 21., Barcelona, 2015. Anais... Barcelona, 2015.

MONTEIRO, D. N; ROCHA, M. Perfil de alunos de um curso à distância: uma experiência de educação empreendedora. In: SEMINÁRIO INTERNACIONAL APEC, 21., Barcelona, 2015. Anais... Barcelona, 2015.

MORAN, J. M. A integração das tecnologias na educação. 2008. Disponível em: http://www.eca.usp.br/prof/moran/site/textos/tecnologias_eduacacao/integracao.pdf>. Acesso em: 15 abr. 2016

RIPPER, A. V. O preparo do professor para as novas tecnologias. 1996. In: Oliveira, V.B. (Org.) Informática em psicopedagogia. São Paulo: Editora SENAC. p. 55 – 83

SAMPIERI, Roberto Hernandez. Metodología de la Investigación. Tercera Edición. McGraw-Hill. México. p.65. 2003.

SANTOS, J. R. A Moodle nas práticas pedagógicas de uma escola básica: realidade ou ficção na inserção das TIC em sala de aula. Educação, Formação & Tecnologias, n. 5, v. 1, p. 72-83, 2012.

SIERRA, B. Técnicas de Investigación Social: Teoría y Ejercicios. Decimocuarta Edición. Thonson Editores Spain. Madrid: 2004.

SILVA, M. Internet na escola e inclusão. In: BRASIL. MEC. Secretaria de Educação a Distância. Integração das tecnologias na educação. Brasília: Ministério da Educação, SEED, p.62-69. 2005.

VALENTE, J. A; ALMEIDA, F. J. Visão analítica da informática na educação: a questão da formação do professor. Revista Brasileira de Informática na Educação, Sociedade Brasileira de Informática na Educação, n. 1, p. 45-60, 1997.

VALENTE, J. A. Diferentes usos do computador na educação. Em Aberto. Brasília, ano 12, n. 57, p. 3-16, jan/mar. 1993.

WEISS, A. M. L; CRUZ, M. L. R. M. da. Informática e os Problemas Escolares de Aprendizagem. Rio de Janeiro: DP&A, 2001.

YIN, R. K. Estudo de caso: planejamento e métodos. Tradução: Daniel Grassi. 3. ed. Porto Alegre: Bookman, 2005.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista EmRede



EmRede - Revista de Educação a Distância, Porto Alegre, RS, Brasil.

ISSN: 2359-6082

Classificação em Qualis Periódicos B4 (2019)
Indexação (consulte a seção Sobre)


Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional ((CC BY-NC-SA 4.0).